Páginas

Um Reino de Sonhos (Dinastia Westmoreland # 1) - Judith McNaught

21 de maio de 2018

Título:  Um Reino de Sonhos
Autor: Judith McNaught
Páginas: 378
Ano: 2018
Editora: Bertrand Brasil
Gênero: Ficção / Literatura Estrangeira / Romance
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota: 
Sinopse:
Royce Westmoreland, o “Lobo Negro”, é enviado pelo rei da Inglaterra para invadir a Escócia. Quando seu irmão, Stefan, sequestra Jennifer e Brenna Merrick, filhas de um lorde escocês, do convento onde vivem, as vidas de Royce e Jennifer se entrelaçam. Ele, um poderoso guerreiro que já ganhou muitas batalhas, não vê a hora de encontrar uma mulher que o amará pelo homem que é, não pelo medo inspirado por sua lenda. Ela, uma jovem rebelde em busca do amor e da aceitação de seu clã, mesmo na condição de prisioneira, não se deixa abalar pela fama de seu arrogante captor.
Conforme os conflitos entre os dois se tornam mais frequentes, a urgência de se entregarem um ao outro só aumenta. Certa noite, quando ele a toma apaixonadamente nos braços, desperta nela um desejo irresistível. Mas, se Jennifer seguir seu coração, perderá tudo aquilo pelo que vem lutando e jurou honrar.
Resenha:
Um romance da Dinastia Westmoreland

Para os escoceses, fossem nobres ricos ou humildes aldeões, o Lobo Negro era pior que o próprio diabo, e mais perigoso, porque o diabo era um espírito, enquanto o Lobo era de carne e osso, o Senhor vivo do Mal, um ser monstruoso que ameaçava a existência deles, aqui na Terra. Era o fantasma maligno usado pelos escoceses para aterrorizar seus filhos, a fim de que se comportassem. “O Lobo vai pegar você”, esse era o aviso que davam  para impedir as crianças de entrarem na floresta, saírem da cama à noite ou desobedecerem aos mais velhos.

Primeiro, estou aqui totalmente estarrecida, por acaso resolvi saber mais sobre essa DIVA MASTER chamada Judith McNaught e descobri que " Um Reino de Sonhos", foi publicado em 1989, eu não tinha nem nascido minha gente! Esse é o primeiro contato que tenho com a escrita da autora e me vi perdida na delicadeza e imprevisibilidade incomum que a autora presenteia o leitor.

 Iniciamos a leitura já com uma cena bem tensa, onde o casal está em seu casamento, e é obvio que nenhum deles está satisfeito com a situação. Porém logo embarcamos nas lembranças de Jennifer, descobrindo o que ocorreu antes do casamento.
Jennifer e sua irmã Brenna são sequestradas por Stefan, que é irmão de Royce Westmoreland, o tão conhecido e temido " Lobo Negro".
Além de ser um um eximio guerreiro e ter uma reputação de dar arrepios, Royce também é o Conde de Claymore. O rei da Inglaterra o tem em alta estima, então Royce é dono de extensa riqueza. Ele é mandado para a Escócia, para a sua última batalha, mas quando seu irmão sequestra as filhas de seu inimigo Merrick , o jogo muda. Ele pretende usá-las, para fazer com que seu inimigo se renda, sem uma batalha.

Não podia acreditar que uma ingênua jovenzinha escocesa podia ter tanto vigor e coragem.

As irmãs dão muito trabalho para Royce, Jenny principalmente, afinal sua irmã Brenna é bem medrosa. Jenny consegue ganhar a confiança de Royce, é quando ela foge com sua irmã. Elas se vestem com roupas de homem e roubam cavalos, deixam pistas para um caminho que não tomaram... Bom elas quase conseguiram. Royce acaba as encontrando e ele fica furioso, não só pela fuga, mas por algo precioso que ele perde.

Jenny desde sempre se meteu nas mais variadas confusões, fazendo com que seu pai a  enviasse para um convento. Onde ela ficou por dois anos sem sequer o ver. Ela o ama muito, mas para mim esse sentimento não é recíproco, nunca seu pai a conforta ou diz algo que console, nada está bom o suficiente para ele. E mesmo passando por muitas diversidades dentro de seu clã, Jenny é aquela personagem que não se deixa abater e sempre tira algo bom de uma situação ruim.
— Eu estava me lembrando dos tempos em que ficava na varanda do castelo de Merrick, olhando para os pântanos ao longe e pensando em um reino.
— Um reino? — repetiu Royce, surpreso e aliviado diante da natureza passiva dos pensamentos da jovem. Ela assentiu, os cabelos pesados deslizando pelas costas, e ele reprimiu com firmeza o desejo de colocar a mão naqueles fios sedosos e virar delicadamente o rosto dela para ele.
— Que reino?
— Meu próprio reino — suspirou, sentindo-se tola e querendo muito que ele continuasse o assunto. — Eu planejava ter meu próprio reino.
— Pobre Tiago — provocou, referindo-se ao rei escocês. — Quais dos reinos dele você pretende conquistar?
Ela lhe deu um sorriso apagado, e havia um estranho quê de tristeza em sua voz.
— Eu não estava falando de um reino real com terras e castelos, mas de um reino de sonhos, um lugar no qual as coisas seriam exatamente como eu quisesse.

Fiquei completamente fascinada por Royce e suas peculiaridades, um homem de honra e senso de dever e responsabilidade fora do comum. Um mocinho que apesar de ser paciente e gentil quando quer, também sabe como ninguém magoar e ser bem malvado.

Algumas mulheres não precisam de joias para brilhar. Você é uma delas.


Um livro rico em detalhes e informações. Pude conhecer um pouco da Escócia e da Inglaterra. Mergulhei profundamente nos sentimentos dos personagens, conhecendo-os intimamente. Embates políticos, uma mocinha muito cheia de si, com uma personalidade forte e um mocinho que é tão encantador que chega a ser assustador. Mesmo que eu queira escrever até não poder mais, irei parar essa resenha por aqui. Estou tão fascinada pela escrita dessa autora, que preciso recomendar esta leitura para todo mundo.  Um livro com abundância de romance, que irá deixar todas as leitoras fãs de romance de época totalmente cativas.

Jenny chorava ao mesmo tempo que sorria para eles. Afinal, não é todo dia que uma mulher recebe um reino de sonhos.

Não deixem de ler ❤ Beeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeijos 💋

6 comentários

  1. Receber um reino de sonhos.rs Ah quem dera a todas nós!
    Já tinha lido uma resenha deste livro estes dias em outro blog que acompanho e fiquei fascinada com a parte histórica descrita no livro. Amo enredos que trazem isso, culturas diferentes e bem descritas, além do romance de época, claro.
    E este livro parece englobar tudo junto e nada misturado.
    Já está na lista de desejados e espero ler a obra em breve.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Oi Yohanna!
    Tô doida pra ler esse livro, pelas resenhas que acompanhei sobre ele tem agradado mtos leitores, parece ser uma leitura boa, espero ter uma chance de ler em breve.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Oi, Yohanna!
    Confesso que não gosto de livros com embates políticos, mas curto mocinhas fortes e seguras de si como a Jenny, e quero conhecer mais esse mocinho tão encantador... Um livro com abundância de romance e que pertence ao gênero romance de época com certeza é pra mim!
    Valeu pela dica, não vejo a hora de ler Um Reino de Sonhos! Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Oiee!
    Eu ainda não li nenhum livro da Judith, só vim conhecer seus livros no começo desse ano então não tive a oportunidade de ter nenhum em mãos, mas devo dizer que pesquisei e amei as capas.
    Falando sobre o livro em si, me encantei com o mocinho não tão mocinho assim, é Jen gente! Que louca, fugir e se vestir de homem, mas olha, até que foi uma ótima idéia, pena (ou nao) que foi pega com sua irmã. Devo dizer que estou muito animada para ler os livros da Judith <3
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Amo livros que retratam escócia e inglaterra <3 me lembra minha série preferida. Eu ja tinha lido sobre esse livro e ficado encantada, imagino como foi para a Jennifer ficar apaixonada justo por um inglês inimigo declarado. Como é bacana ler varias resenhas, porque eu tinha montado uma imagem do Royce até ruim mas depois de ler a sua me senti apegada a ele. Quero ler em breve, inclusive pela personagem feminina que pelo que percebi é super forte em um época que o machismo reinava.

    ResponderExcluir
  6. Olá Yohanna,
    Gostei da sinopse e fiquei curiosa pra ler o livro.
    Espero que depois do casamento o casal se entenda, quero ler para saber mais sobre eles.
    Gosto de protagonistas femininas fortes e a desse livro parece não decepcionar.
    Fora que esse livro parecer ser engraçado tbm com muitas confusões.
    Espero ler em breve.

    ResponderExcluir