Páginas

O Príncipe dos Vampiros - Clara de Assis , Aline Sant' Ana

7 de novembro de 2018

Título:  O Príncipe dos Vampiros
Autor:  Clara de Assis , Aline Sant' Ana
Páginas: 304
Ano: 2018
Editora: Charme
Gênero: Erótico / Fantasia / Ficção / Romance / Suspense e Mistério
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota: 
Sinopse:
"Eu perguntei se você tem um vampiro para beijá-la. E para senti-la. Para saciá-la. Para satisfazê-la. Você está comprometida, Mia?"
Quinhentos anos após a minha partida, eu retornei para o lugar onde nasci, a Ilha de Alkmene, com um único objetivo. Àquela altura, não era mais a garotinha que a família real conhecia, e sim a melhor guerreira de seu clã. Foi uma honra poder encontrá-los como Major da Divisão Magna.
No extravagante castelo, fui recepcionada por pessoas que me amaram. Tudo estava indo de acordo com o planejado, até perceber que algo parecia... diferente. Depois de incontáveis séculos sem vê-lo, quando meus olhos pairaram sobre Orion Bloodmoor, o Príncipe dos Vampiros, reconheci que nem todos os anos que passamos separados seriam o bastante. Com suas exóticas íris vermelhas, corpo atlético, cabelos cor de ônix e uma personalidade nada tradicional, eu tinha inúmeros motivos para não observá-lo, para não reparar em sua beleza, para não me deixar levar... Ainda mais por ele não ser o único desafio que eu teria que enfrentar.
Havia segredos sob aquele teto, falhas em meu clã, e a última coisa que eu precisava era me deixar levar pelos encantos de um príncipe.
Assuntos do coração não deveriam vir antes do meu dever.
E guerreiras usam espadas ao invés de coroas.
Resenha:


O futuro rei do clã dos Redgold não era só um conjunto de corpo perfeito, sorriso de abalar estruturas, perfume enigmático e rosto irritantemente bonito. O problema estava no simples fato de ele ser… mais do que isso.



E aiii amooorecos! Turubom ? Hoje trouxe resenha de um super lançamento da Editora Charme! YAY. Logo que li a sinopse, já fiquei interessada, tem todos os elementos que amo, vampiro, corpo atlético e aquela dose de safadeza, rsrs. Ainda não li nada  da autora Aline, mas já me deliciei com as histórias da Clara. Estava em um período longo em que não conseguia ler nada, livros que eu normalmente leria em dois dias, estava demorando duas semanas, mas ao iniciar esse livro consegui novamente entrar na história e me perder nela. Já antecipo que é uma leitura deliciosa e sem dúvida me tirou de uma ressaca literária que estava durando várias semanas. Mas chega de conversa e vamos falar de Orion e Mia!

Os vampiros vivem em perfeita harmonia com shifters e humanos em Alkmene. Os humanos sabem da existência deles e guardam o segredo, para assim ter o privilégio de morar na ilha e poder usufruir de toda a beleza e infra estrutura que ela proporciona. Mas alguns vampiros querem acabar com a monarquia, e infelizmente é preciso matar a própria raça para continuar mantendo a paz. Mia é uma eximia guerreira, não gosta de ter que matar vampiros, mas o faz em nome de seu clã e seu rei.

Quando ela é convidada para voltar para Alkmene se sente honrada, pois será a primeira Lochen do sexo feminino na história. Sua família sempre foi muito querida pela família real, e todos sabem de seu caráter e honra. O rei quer renunciar a coroa para que assim seu filho Orion se torne o novo rei. E o trabalho de Mia é atestar as habilidades do príncipe e acompanhá-lo nessa nova jornada.
Orion e Mia se conheceram ainda bem jovens, antes de Orion ser apresentado a sociedade vampírica. Muitos se passaram até o reencontro, Mia sempre muito profissional e Orion com seu jeitinho único de ser.
Eu não deveria estar pensando nela sem roupas, escarranchada no meu colo, tomando meu pau por inteiro enquanto eu mordia aqueles lábios carnudos, vermelhos, meus dedos enredados em seus cachos loiros enquanto eu tentaria, inutilmente, entrar ainda mais em seu corpo. Torná-la minha. De nenhum outro. Apenas minha e…


Orion é aquele personagem que a gente ama, pois ele é muito cavalheiro, responsável, horado, tem aquela personalidade forte e divertida, por várias vezes me peguei rindo de suas besteiras e tiradas de duplo sentido. Mas nem tudo são flores, Orion não gosta do Duque que é o braço direito do rei, ele sente que algo está errado e pede que o investiguem. Enquanto Mia ajuda Orion em suas atividades, o inimigo está cada vez mais perto. Mia e Orion não poderiam prever que o universo conspirou e eles são almas gêmeas, Orion sente o Savach, que é uma conexão que apenas homens da família real sentem, as vezes as companheiras sentem o mesmo, uma ligação única. Mia se sente diferente, sente falta de Orion e claro sente aquela conexão inexplicável.

A nossa conexão foi estabelecida.
Savach.
Ela era a minha Ma’ahev.

(...)
O que foi ainda mais ridículo constatar que aquela sensação física era saudade. Por mais que eu tivesse dito que não… Eu senti falta dele. E não uma lembrança casual e despreocupada. Senti a angústia agarrar-se à minha garganta. Apenas dois malditos dias. Não era um tremendo absurdo?

Mia sabe que sente algo profundo pelo lindo príncipe, porém sente aquele medo de não ser reconhecida pelo que é e pelo trabalho que vem exercendo como Lochen. Orion, sendo o príncipe maravilhoso que é, espera o tempo dela, não força nada e deixa nas mãos de Mia a decisão de ficarem juntos ou não. Como existe aquela conexão, Mia começa a sentir ciúmes do príncipe, mesmo que ele tenha olhos apenas para ela. Não podia faltar uma mulher falsiane para querer o príncipe e aí é que entra Constance, uma vaca total, não vamos perder tempo com ela,rsrs.

— Mia… — tentou novamente, sua voz rouca não vacilando em seguida. — Eu te dou minha palavra. Ela não será a minha rainha.

A decisão de Mia apesar de parecer bem fácil não é e entendi sua relutância, e foi incrível quando finalmente ela se deixou ser amada.

Foi, então, que eu soube. Não por uma estrela que caiu do céu, nem por qualquer coisa que Orion tivesse feito naquele segundo. Foi simplesmente o olhar dele no meu e a forma como meu coração tropeçou e parou por segundos inteiros. Eu aceitei por completo o que éramos um para o outro naquele instante.
(...)
 — Eu estou completamente, loucamente e perdidamente apaixonado por você, Mia Black. — Uma das luzes da banheira falhou. Orion raspou os lábios nos meus, um arrepio subindo pela minha barriga. — Não posso viver um minuto da minha eternidade sem pertencer aos seus braços e sem reconhecer que pertence aos meus.

O livro inteiro é cheio de tiradas sagazes, um príncipe divertido e uma mulher que não deixa suas convicções de lado por ninguém. Muita aventura, e lutas que irão fazer o leitor perder o fôlego. As autoras conseguiram me transportar para Alkmene, para as conspirações que estavam sendo feitas, senti a amizade linda e forte dos personagens, e do amor. Acima de tudo o livro é muito romântico, destaquei tantas partes que pretendo fazer uma publicação só com esses quotes, será que eu amei ? Enfim, não deixem de ler! É INCRÍVEL

Beijoooooooooooooooooooocax :*

6 comentários

  1. Quanto tempo não lia algo sobre um livro de vampiros que me deixasse curiosa!
    Não conhecia o livro,mas já gostei de cara do título e capa e lendo a resenha, foi desejo a primeira letra!
    Adoro essas misturas de vampiros com humanos, a gente sempre sabe que não sai boa convivência. Mas eliminar o próprio povo? Uia!
    Sem contar a personalidade de Orion, que é mesmo a de um príncipe e Mia com suas vontades e determinação.
    Com certeza, vai para a lista de desejados!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Oi Yohanna!
    Nem preciso dizer que já quero mto ler esse livro né?
    Ain meu Deus, vampiros!!
    E essa capa? Maravilhosa!
    Eu gostei da sua opinião sobre o enredo, espero ter oportunidade de conhecer.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Olá! Que lançamento hein, já estou de olho nesse livro, afinal ele traz muito do que eu amo nas minhas leituras e essa resenha só ratificou ainda mais o quanto vai ser incrível mergulhar nessa história. Já amei esse jeitinho do Orion e Mia, então, mais uma protagonista Girl Power, necessito (risos). Muito bom saber que o livro é daqueles que curam as mais terríveis ressacas literárias.

    ResponderExcluir
  4. Oi Hanna,
    UAU...
    E não é que eu amo também todos esses elementos? Se bem que é só falar Vampiro Bonitão que tô lendo kkkk
    Mia é o tipo de protagonista que eu amo, forte, destemida, e que, mesmo apaixonada, mantém essas características; assim como Orion, quem não gosta de humor sarcástico em um mocinho?
    Senti uma pitada de Crepúsculo nessa parte do "Savach", é bem parecido com o que os lobos sentem, lembra? E sim, também me conquistou, adoro essas conexões doidas kkk
    Me apaixonei, já quero!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Puxa, não sou tão fã de livros com vampiros, mas gostei muito dessa resenha. E que capa linda! Lembrei da série Diarios de um vampiro. Com certeza vou ler esse livro.

    ResponderExcluir
  6. Oi, Yohanna!
    Nunca li nada da Clara de Assis e nem da Aline Sant' Ana, mas quero ler O Príncipe dos Vampiros pra ontem!
    Amo livros de vampiros e pelos seu comentários acredito que irei amar a história de Orion e Mia; mocinhos fortes e divertidos são os meus preferidos, assim como também gosto de mocinhas que não deixa suas convicções de lado por ninguém.
    Enfim, valeu pela dica, anotada!
    Bjos!

    ResponderExcluir