A 5ª Onda - Rick Yancey

6 de junho de 2018

Título: A 5ª Onda - A Quinta Onda, 1
Autor: Rick Yancey
Páginas: 368
Ano: 2013
Editora: Fundamento
Gênero: Ficção científica
Adicione: Skoob
Onde Comprar: Amazon
Nota: 
Sinopse: Depois da primeira onda, só restou a escuridão. Depois da segunda onda, somente os que tiveram sorte sobreviveram. Depois da terceira onda, somente os que não tiveram sorte sobreviveram. Depois da quarta onda, só há uma regra: não confie em ninguém. Agora A QUINTA ONDA está começando... Cassie está sozinha, fugindo dos Outros. Ela vive em uma Terra devastada, onde qualquer pessoa, até mesmo uma criança, pode ser o inimigo. Um inimigo que parece humano, que espreita em todos os lugares, pronto para aniquilar os últimos sobreviventes. Permanecer sozinha é permanecer viva - Cassie acredita nisso até encontrar Evan Walker. Mas será que ela pode confiar nele? Será que ele pode ajudá-la a resgatar o irmão? Chegou o momento em que Cassie deve escolher entre a esperança ou o desespero, entre enfrentar os Outros ou se render ao seu destino, entre a vida ou a morte. Entre desistir ou lutar!

Resenha: Cassie... "... não Cassie de Cassandra, ou Cassie de Cassidy, Cassie de Cassiopeia." é uma menina normal, apaixonada pelo garoto bonito da escola... Vive com a família, estuda, se diverte! Até que de repente, em um dia normal sua vida vira de cabeça para baixo, os "outros" invadem a terra...sim!!! ETs! E eles não vieram conversar!

Eles  começaram a "visita" matando 7 bilhões de pessoas.

Bom, a partir de uma série de acontecimentos tudo muda e de repente Cassie está sozinha num mundo destruído, inicia uma busca alucinada pelo seu irmão, e eis que durante essa busca, conhece uma pessoa disposta a ajudá-la. Mas, quem é ele? Será que ela pode confiar nele? Ele é misterioso e a maneira como se conheceram não é nada convencional!

"O objetivo não era nos salvar. Também não era nos escravizar ou agrupar em reservas. O objetivo era nos matar. A todos nós."

Quando a 4ª onda chega, não se pode mais confiar em ninguém! O inimigo pode estar disfarçado, infiltrado em qualquer lugar e depois de passar por solidão, doenças, desconfianças, fica difícil, quase impossível confiar em quem quer que seja, amigo, inimigo ou família.

"Nós éramos como os japoneses que sobreviveram à primeira explosão da bomba de Hiroshima. Não compreendíamos por que ainda estávamos ali e não tínhamos certeza de querer estar."

Uma coisa que gostei foi de como a protagonista é forte. Não vemos uma menininha desamparada e chorona, Cassie é decidida...Ela tem seus momentos, claro, mas no todo ela traz uma força e determinação que não são comuns às mocinhas.

"Então, a porta se abriu, e o sr. Faulks nos disse para irmos até o ginásio de esportes. Achei que foi uma medida esperta. Levar todos a um lugar para que os alienígenas não precisassem desperdiçar munição."

Em meio  à isso tudo, como eu já disse, de uma maneira nada convencional, ela conhece Evan - Um Silenciador - Isso mesmo um "ET".

Evan é diferente dos outros humanos infectados. Ele não gosta de matar e a forma como ele é descrito faz com que o leitor simpatize com ele.

"- Entendi tudo errado. Antes de achar você, pensei que a única forma de me manter inteiro era encontrando um motivo para viver. Não é assim. Para continuar inteiro, é preciso encontrar alguma coisa pela qual se está disposto a morrer."

Então, como se já não fosse suficiente um ET apaixonado, um irmão desaparecido, um mundo destruído, eis que surge Ben, a antiga paixonite da escola, e essa aparição, na minha opinião foi a mais surpreendente. A  evolução de "Ben" para "Zumbi" foi perfeita, e nesse cenário onde os nomes não importam mais e sim os apelidos, como Zumbi, Dumbo, Pão de Ló, Nugget, Teacup e Especialista se desenrola um cenário feio...As crianças são poupadas da morte apenas para  treinar e se tornar soldados dos "outros" .

Depois de “a chegada” (como Cassie chama a invasão) o mundo foi devastado, o que sobrou da população mundial luta para sobreviver.

Essa invasão ela foi dividida em ondas.
A 1ª onda: Apagam-se as luzes.
A 2ª Onda: Começa a destruição com tsunamis, terremotos.
A 3ª Onda: Pestilência.
A 4ª Onda: O silenciador.
Então inicia-se a 5ª Onda.

A obra prende o leitor, cativa, pois queremos saber o que vai acontecer a seguir e a seguir. É uma leitura que vale muito a pena. Não sei se é por eu ser apaixonada pelas distopias, mas o fato é que eu simplesmente me apaixonei pela leitura e estou mais que ansiosa pela sequência!!!!

6 comentários

  1. Acabei vendo a adaptação já tem um bom tempo e na época, fiquei meio assim, achando tudo muito louco.rs
    Depois de um tempo, consegui pegar o livro emprestado com uma amiga e aí que a gente entende os motivos de tudo. No livro, é tudo mais detalhado e este poder criar os personagens com nossos próprios rostos dá uma diferença!!
    Cassie é uma personagem forte, apesar de tão jovem e a busca pelo irmão é na minha opinião, o grande ponto de tudo.
    Leitura muito recomendada para quem curte o gênero!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Denise!
    Gosto de distopia onde o cenário pós-apocalíptico é bem dramático.
    Já tive oportunidade de assistir o filme que é desolador, agora quero ver se acompanho a leitura do livro que parece mais detalhado e mais curioso.
    Um final de semana cheio de luz e paz!
    “Sou uma pessoa insegura, indecisa, sem rumo na vida, sem leme para me guiar: na verdade não sei o que fazer comigo.” (Clarice Lispector)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA JUNHO - 5 GANHADORES
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  3. Bem curioso. Parece ser uma leitura que flui por vc esperar mais sobre o que vai acontecer. Gosto de leituras assim, não deixa o livro ''arrastado''. Fiquei muito curiosa sobre as ondas.

    ResponderExcluir
  4. Olá Denise,
    Eu fiquei sabendo do livro por causa do lançamento do filme, mas ainda não li e nem assisti o filme.
    Nao tinha lido nada sobre o livro e fiquei curiosa pra saber mais sobre a estória depois de ter lido a sua resenha.
    Gosto de distopias e de personagens femininas fortes. e pelo visto a Cassie conseguiu se sair bem mesmo se considerar as coisas que acontecem.
    Espero ter a oportunidade de ler esse filme.

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Eu já tinha assistido o filme que é adaptação do livro, fiquei bastante sem entender mas a historia é muito boa.. Quero bastante ler o livro, entender mais esse mundo... Adorei bastante e espero ler logo!

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  6. Oi Denise!
    Vi o filme e pra te confessar não curti mto não, não sei se leria o livro de momento, mas está anotadinho aqui, quem sabe eu mude de ideia...
    Bjs!

    ResponderExcluir